A VINDA DO REINO DE DEUS – Apocalipse 22.20

Prezados irmãos e leitores,

O versículo acima diz: “Aquele que dá testemunho destas coisas diz: ‘Sim, venho em breve!’ Amém. Vem, Senhor Jesus!” (NTLH).     A vinda de Jesus pela segunda vez é a coisa mais certa que o mundo pôde conhecer. Jesus disse: “Passará o céu e a terra, porém as minhas palavras não passarão” (Mt 24.35). Foi o próprio Jesus quem afirmou que voltaria e engana-se redondamente quem entende de forma diferente e vive despreocupadamente, sem levar em conta a veracidade da volta de Jesus. Você crê na volta de Jesus? Se você crê, prepare-se, pois a cada dia que se passa Sua vinda está mais próxima. Caso Ele não venha para cuidar dos acontecimentos finais, Ele virá para buscar individualmente a cada um dos Seus filhos. Você está preparado(a)?

Quando oramos a oração que Jesus nos ensinou, dizendo “venha o teu reino”, oramos em diferentes níveis. É óbvio que estamos orando para o retorno de Jesus Cristo à Terra. A palavra que Jesus usou aqui para “reino” não se refere inicialmente a um território geográfico, mas significa “soberania” e “domínio”. Como cristãos, devemos estar ansiosos para o dia em que Cristo voltará à Terra para governar e reinar como Rei dos reis e Senhor dos senhores.

Estamos orando também de forma pessoal. Oramos para que seja Seu o reino pessoal de nossas vidas. Para que Ele governe e reine na vida de homens e mulheres, meninos e meninas. Lembre-se que Jesus disse: “O reino de Deus está entre vocês” (Lc 17.21). Ele estava essencialmente dizendo: “Eu estou aqui. Eu estou no meio de vocês. O reino de Deus está aqui” e ele não consiste de palavras mas de Poder (1Co 4.20). Se nós cremos ou deixamos de crer, não altera nada, porque a Palavra de Cristo se cumprirá cabalmente, no momento exato que está marcado no relógio de Deus.

Diante do que foi dito pergunta-se: você realmente quer que o Seu reino volte? Que Jesus venha? Você está pronto(a) para dizer, assim como o apóstolo João: “Vem, Senhor Jesus?” Você se alegraria ao saber que Cristo viria esta noite para estabelecer o Seu reino? Ou você preferiria que Ele esperasse um pouquinho mais para poder antes consertar algumas coisas erradas na sua vida? Todo cristão deveria ser capaz de orar com fervor: “Venha o teu reino”!

Aos crentes de Roma, Paulo disse: “Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito       Santo” (Rm 14.17). Paulo estava doutrinando a igreja de Roma sobre comer ou deixar de comer determinados alimentos. O reino de Deus envolve o espírito e, portanto, devemos buscar incessantemente o alimento espiritual, só encontrado em Jesus, que é o “Pão da vida” (Jo 6.35).

Neste ano que foi declarado o “Ano da Reestruturação da Família”, temos dado toda a ênfase também à oração. Por isso temos procurado meditar na oração do Senhor, o “Pai nosso”, que é uma oração modelo. Dela podemos extrair todos os assuntos para as nossas orações, tanto de súplicas, como de intercessões, ações de graças e louvor e/ou adoração. De que maneira você tem orado? Tem buscado o Reino de Deus? Quem busca sempre o Reino de Deus, tem mais prazer em dar graças, louvar e adorar, do que suplicar. Que vivamos esperançosos e preparados para a volta do Senhor! Clóvis.

 

 

Copyright © 2014 Igreja Batista do Calvário . Todos os direitos reservados. Site desenvolvido por Flavio Paiva com Design de Rafael Timo